PROGRAMA DE FORMAÇÃO DE ADOLESCENTES – REDAÇÕES SOBRE MEIO AMBIENTE PRODUZIDAS NO SEMINÁRIO I – 10 E 11 DE SETEMBRO DE 2010

(Pequenos textos foram escritos pelos participantes do primeiro seminário do Programa de Formação de Adolescentes Mobilizados Pro-Selo, após a apreciação de fotos feitas por jovens da baixada maranhense, mostrando imagens do meio ambiente).

Jaerdson Barbosa Alves (Cidade de São José de Ribamar) – critica as queimadas responsáveis por provocar problemas ambientais e problemas de saúde. Os problemas ambientais são: a poluição do ar, destruição das plantas, retirada dos animais para as grandes cidades. Problemas de saúde: respiratórios e sinusite.Já existe uma  lei que proibe as queimadas.

Lúcia (CRAS do Liberdade/São Luis) – Não seja egoísta. Ame, cuide, o meu, o seu, o nosso mundo precisa viver. Valorize você também o cuidado com o nosso mundo. Isso faz bem.

William Santos de Andrade (CRAS do João de Deus/São Luis) – No meu bairro as únicas árvores que existem serão cortadas, pois o terreno será transformado em um conjunto habitacional. No lugar dessa obra, seria melhor ter um projeto de arborização do bairro, pois isso iria mudar a vida das pessoas para melhor.

Inayara de Assunção Pererira (CRAS do Liberdade/São Luis) – Bem, olhando para uma nuvem escura, poluída, um ar desagradável, uma natureza desconfortável, eu fico imaginando: “ onde o mundo chegou” ! Que população é essa que deixa o seu mundo ser destruído dessa forma? Mas, será que quando me refiro à população, não estou incluida nessa situação?. Como que eu quero que seja diferente, se eu não faço a diferença? Muitas pessoas acham que não adianta eu não poluir, se milhões e milhões de pessoas poluem. Será que fará diferença? É justamente aí que está o erro, se todo mundo fizer um pouco, fizer a sua parte, com certeza, o mundo ficará bem melhor.

Najla Roberta dos Santos – Eu achei interessante a foto em que aparece um menino regando. Acho que ele tinha acabado de plantar uma semente. Eu achei legal até porque ao invés de um adulto fazer esse papel, quem acabou fazendo foi uma criança. Então, é legal saber que até as crianças tem a consciência de que a natureza, o meio ambiente, pede socorro pelos danos que as pessoas fazem a eles.

Amanda Cristina de Brito Nunes (Cidade de Raposa) – O desmatamento está acabando com as florestas, praias e cidades. Nós somos responsáveis por este acontecimento. Cada um de nós ao olharmos alguma  pessoa fazendo essas ações, precisamos falar, conscientizarmos para que ele (ela) pare e pense sobre sua atitude. O desmatamento produz consequências muito graves, pois destrói matas e os animais que ali habitam. Todos pela conscientização sobre os danos do desmatamento das florestas, O futuro está em nossas mãos. Aplicar a regra dos 3R – Reciclar, Reduzir, Reaproveitar.

Tayla Cristina (Cidade de Alcântara) – A reciclagem é um grande meio, em que todos podem contribuir a reutilizar o papel, a garrafa peti, as tampinhas de litros de refrigerantes, entre outros, como latas, plásticos. Tudo isso é material para a reciclagem. Às vezes quando olhamos o meio ambiente é que percebemos como ele um centro de todas as coisas ao nosso redor, como os verdes que nos cercam, por exemplo: plantas, árvores. Mas, o lixo está em torno também e existem muitas coisas nesses lixões que podem ajudar, que podem ser reciclados. Preserve o meio ambiente, assim viveremos felizes.

Patrícia Rosa da Silva (Cidade de Raposa) – Coleta de lixo é importante? Por que? Sim, é muito importante, mostra que apesar de não ser a nossa obrigação, fazemos com orgulho para ver no futuro o nosso planeta limpo. Repassar boas ações para outras pessoas, se tiver pessoas que conhecem esse trabalho, junte-se a elas e se tiver pessoas que não tem conhecimento deste assunto, ensine-as e mostre que todos nós temos que fazer a nossa parte, seja falando ou até praticando, mostre a elas que também são importantes nessa jornada. Todos nós temos que fazer a nossa parte, faça a sua.

Eduardo Luiz Pires – Essa foto do gado que está no chão, que eu não sei se está vivo ou morto, acho que os jovens fizeram essa foto porque é muito interessante para as pessoas sobre o meio ambiente, os desmatamentos e os animais que são prejudicados, como os pássaros, os mamíferos, etc…

Sandra Coelho (Professora de São José de Ribamar) – (inspirada na foto da criança com o regador). Semente –  A esperança é uma semente. Semente que deve ser bem cultivada para poder germinar, para poder dar bons frutos. A semente da esperança de viver em um planeta cheio de vidas, vidas que dependem do meio ambiente, ambiente que depende dos nossos cuidados, cuidados que começam com pequenas ações, pequenas ações que fazem grande diferença. Plante a semente de um mundo melhor.

Emerson Luís Sousa de Carvalho (CRAS do São Francisco/São Luis) – É um ato ilegal, mas infelizmente muitas pessoas ainda cometem esse feito. Desmatam, pois não sabem que um dia, se continuar assim, seus futuros descendentes irão passar por dificuldades. E, desse modo, prejudicando o planeta Terra, destruindo vidas e a si mesmo, pois boa parte da sua sobrevivência, sai do meio ambiente. Seja humano, vamos ter conscientização.

Thaiana Silva Baldez (Cidade de São José de Ribamar) – Amigo da Natureza –  Cuidar dela é também cuidar de nós mesmos. Fazer mutirões de limpeza, conscientizando a população, etc., faz com que nos tornemos amigos da natureza. Nós fazemos parte do meio ambiente, temos que cuidar dele, deixá-lo limpo e vivenciar a harmonia, pois nada somos sozinhos.

Thiago Borges da Costa (Cidade de Paço do Lumiar) – Plantação de alimentos. Onde moro tem muita plantação de tomate, cebola e pimentão. Tem também alface, cheiro verde e manjericão, mas também eu queria que tivesse plantação de árvores, porque eles só plantam legumes e verduras. Isso é muito bom para melhorar a alimentação, mas faltam as árvores para dar frutos. Os animais eu queria que estivessem na minha porque lá não tem nenhum. Tem que ter árvores para todas as pessoas e os humanos estão desmatando.

Luciana Cunha Barros Lima (Assistente Social da Cidade de Alcântara) – Observando as imagens, lembrei profundamente dos ensinamentos, das histórias, que contava, conto para minha filha querida, Erika, hoje com 14 anos. Destaco algumas:

“ Ser humano não maltrate as árvores, proteja os animais.” “ Oh! Criança nunca fira aquilo que vive, que respira…. Dê um pouco de farelo ao pássaro com zelo.” “ Fumaça, fumaça que passa. Ser humano isso é coisa que se faça?”. “ Tudo que existe precisa ser cuidado…..para continuar a existir, a viver. (Leonardo Boff). É o que eu desejo do fundo do meu coração hoje e por tida minha vida.

Cleidiane (Orientadora, CRAS do Maracanã/São Luis) Quando falamos em preservação, dar-se a idéia de proteger algo de importante que é o meio ambiente. Desmatamento, poluição, efeito estufa, acaba degradando no nosso planeta. Preservar é acima de tudo cuidar, lutar com unhas e dentes por aquilo que temos de valor. Para que isso ocorra de fato é necessário a conscientização de todos.

Ana Flávia Pinheiro Ribeiro (CRAS da Cidade Operária/São Luis, Comunidade Jardim América) – Uma criança em uma construção – Uma criança que troca a escola pelo trabalho do campo. Essa criança não consegue ter liberdade de expressão e sabedoria. O principal de tudo é que o conhecimento na educação ficou para trás. Essa criança vive apenas trabalhando em sua vida.

Jeferson Souto – (CRAS da Cidade Operária/São Luis) – O meio ambiente – O que leva uma abelha a pousar em uma flor linda, cheirosa, que aos pouco vai se transformar em uma fruta gostosa? Agora pensem comigo. Se um homem desmata, queima uma floresta que agora a pouco uma abelha pousou para deixar  um pouco de polén para outras flores se reproduzir. O mundo em que vivemos hoje não é como de uma abelha que pousou feliz. O mundo em que vivemos hoje é todo desmatado, queimado e todo destruído. Se todos os animais, minerais, acabassem agora, o que seria da gente hoje em dia?

Carlos Eduardo Costa de Jesus (CRAS do Janaina/São Luis) – O desmatamento da floresta está sendo muito crescente hoje em dia e de alguma forma isso vai fazer mal pra gente, ser humano e tem muitas pessoas ajudando a preservar o meio ambiente, os animais que estão sendo extintos com o passar dos anos. Então as pessoas tem que ajudar a preservar o meio ambiente para as outras pessoas viverem no futuro.

Daniel da Silva Souza – (CRAS do Coroadinho/São Luis) – No nordeste existe um grande hábito de criação de pássaros encarcerados em gaiolas pequenas em condições onde o pássaro fica impedido de qualquer liberdade. No estado de Pernambuco é comum encontrar várias gaiolas enfeitando as varandas das residências, como um tipo de tradição passada de pai para filho, assim ocasionando um grande desequilíbrio no meio ambiente. De acordo com estudos uma grande variedade de espécies de pássaros estão aos poucos desaparecendo do território pernambucano, fazendo com que o estado perca um pouco da sua biodiversidade.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s